Aquisição de cão ou gato adulto

Aquisição de cão ou gato adulto

Algumas pessoas têm receio de adquirir um animal adulto, porém, tomando-se alguns cuidados, cães ou gatos já crescidos podem ser excelentes companheiros.

Pesquise o temperamento com o antigo dono ou com a ONG? Protetor responsável por ele. Verifique se é acostumado com crianças e outros animais.

Se for um animal de rua e você tiver crianças, faça a aproximação devagar, e ensine seu filho a não mexer com o animal quando este estiver comendo ou dormindo.

Inicialmente, não deixe a criança agarrar e beijar o animal, pois o mesmo poderá se assustar e atacar.

Se você já possui outro cão ou gato adulto, não adote do mesmo sexo pois poderão ocorrer brigas. Adote do sexo aposto, mas castre para evitar crias.

Leve-o ao veterinário para orientações sobre vacinação, vermifugação e controle de parasitas e castração.

Os filhotes são fascinantes, não há dúvida, mas não esqueça que eles exigem mais cuidados e dão mais trabalho, como por exemplo: alimentação de 3 a 4 vezes ao dia, vacinação de mês em mês até os 4 meses, e ainda necessitam de treinamento para higiene, pois defecam e urinam muitas vezes ao dia, roem objetos, choram quando estão sozinhos e adoecem mais facilmente.

Cläudia Kronfly